Feeds:
Posts
Comentários

Desde que Maitê nasceu, eu dizia: nossa menina cor de rosa…. E não dá outra….Maitê só tem roupa rosa e lilás…..

Em junho fomos ao parque para registrar os 6 meses dessa princesa. É incrível como as crianças mudam em tão pouco tempo.

Um show extra são as gargalhadas e sorrisos dela para o papai….ele é meu grande aliado na hora dos clics….rs….

Espero que gostem…..

Anúncios

Além de fotografar adoro também contar histórias, fatos, dar detalhes….

Pensem numa família grande, com vários irmãos, irmãs, cunhadas, cunhados, sobrinhas e sobrinhas. Conheço praticamente todos. São meus amigos e todos especiais para minha família também.

Acontece que dessa família um casal se destacou e tomou conta do meu coração. Quando nos conhecemos foi antipatia à primeira vista, dos dois lados, e hoje quando nos lembramos disso, caímos na risada.

Eles se amam e o sonho era ter um filho. Foram alguns anos tentando, até que em maio de 2005 ela chegou. Foi uma festa, eu que não sou nada chorona, me debulhei em lágrimas.

Está com seis anos, mas é uma moça. Vaidosa, inteligente, questionadora. Adora esmalte colorido e chapinha no cabelo. Fica triste porque ainda não pode usar sapato de salto.

Em maio foi sua festa e fiz questão de registrar. A fantasia? Da Minie, lógico, vaidade pura…rs.

Tinha até um concorrente: um Mickey fotógrafo.

Queridos, obrigada por existirem e por me deixarem fazer parte da vida de vocês!

Beijos.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Em maio eu tive o prazer de registrar um batizado duplo. As grandes estrelas foram a Maitê e o Guilherme, seu primo. Maitê, nossa menina cor de rosa, vocês já conhecem, mas também vão adorar o Guilherme.

Tinha mãe que era madrinha, madrinha que era mãe, avós e tias em dose dupla, tia que era madrinha, tia que era a cara da mãe, e por aí vai. Queria agradecer as tias Gi e Karine na ajuda pelos sorrisos dos pequenos.

Pouco antes das 11 da manhã eu e Pe. Paulo já esperávamos por eles. Maitê chegou faminta, Guilherme curioso. Vovô e Vovó orgulhosos, afinal de contas são dois netos de uma vez. Diga-se de passagem, dois netos lindos de viver…..

Durante a cerimônia Guilherme dormiu um pouco enquanto Maitê cantarolava, ou talvez estivesse respondendo às palavras do Padre Paulo. Quando suas presenças foram necessárias, estavam concentradíssimos….vocês verão.

Foram muitas, mas muitas fotos mesmo……as famílias adoraram o resultado. Aqui vocês terão uma pequena amostra. A cada foto trabalhada ficava me lembrando da manhã gostosa que passei com eles.

Espero que gostem.

A mãe desta família é a Cássia. Nossas famílias se conhecem há 4 décadas. Nossos pais eram amigos, nossas mães trabalharam juntas, crescemos
no mesmo condomínio e por aí vai. Na vida adulta acabamos nos distanciando, cada uma seguindo seu caminho, mas sempre uma sabendo da outra.

Eis que Cássia se casou com o Rogério e tiveram a Polyana e o Enzo. Rogério se apresentou um pai maravilhoso. Poly é uma mocinha e Enzo é uma figuraça cheia de energia.

Fiquei encantada com o carinho deles com as crianças. Em momento algum perderam a paciência com o pequenino, que só queria saber de correr, nem mesmo quando ele afundou o tênis na terra molhada. 🙂

Quando Cássia conheceu meu trabalho ficou animada para fazermos umas fotos, pois bem, aqui estamos nós, com uma pequena amostra do tempo que passamos no parque.

Os tirei da cama cedo, num domingo meio frio e ninguém reclamou.  😉

Num momento da sessão eu e Cássia nos lembramos do meu pai, nos emocionamos, rimos e quase choramos juntas, ou seja, essas fotos são mais do que especiais para mim.

Cássia, qualquer dia a gente senta para relembrar os passeios nos fusquinhas. 🙂

Espero que vocês gostem, como eu gostei.

Beijos.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Kauê é um garotinho de um ano e meio de vida.

Quando estava para nascer a mãe, Patrícia, montou até um blog para recebê-lo. Foi uma festa. Uma alegria.

Eis que só consegui conhecê-lo agora, depois desse tempo todo. Valeu a pena esperar.

Ele é fofo demais. É sério, mas simpático. Tem energia de sobra, mas é tranquilo. Ainda está aprendendo a falar, mas se comunica tranquilamente.

Paty, querida, obrigada!

Este slideshow necessita de JavaScript.

Em abril saimos de férias e lógico que em vários momentos fui registrando o que encontrava de mais interessante. Costumo dizer que sou um “bicho do asfalto”, apesar de ter raízes interioranas bem fortes, então a natureza me deixa tonta com tanta coisa que apresenta. Não preciso dizer que nosso país é lindo.

Este ano nos isolamos durante uma semana. Optamos por não levar notebook. No máximo um celular para nos comunicarmos com a família, caso fosse necessário.

Deu tudo certo, desde os voos no horário, as hospedagens (a gente sempre acaba ganhando um upgrade), as pessoas que conhecemos, os lugares que descobrimos….tudo muito bom.

Este ano tivemos o prazer de conhecer um casal super especial, do interior de Minas Gerais. Adoro os mineiros! Adoro o sotaque, os costumes, a culinária. Minas Gerais transpira cultura e seu povo também. Cris e Weber, vocês são ótimos. Nossos planos darão certo e vamos nos reencontrar.

Aqui, apenas um pedacinho de tudo que vi e registrei. Não preciso dizer que fiquei besta quando acordei um dia e dei de cara com vários pavões na porta do meu chalé, adorei nossos parceiros de café da manhã, e os passarinhos que vinham comer nas nossas mãos? E a areia branquinha, a água limpa. Estou revendo minha posição sobre “não gostar muito de praia”.

Deixo aqui registrado o que mais me tocou nesta viagem. Ou seja, minhas emoções.

Espero que gostem! Beijos.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Fotografar para mim é mais do que registrar imagens, é fazer parte da emoção das famílias e das crianças. Quando comecei a trabalhar com fotos já sabia o que queria fazer: registrar emoções de pessoas reais. Acho que estou cumprindo com o proposto.

Passei a tarde de um domingo na casa do Pietro. Esperando ele mamar, ser trocado, sorrir….a mamãe quis fazer troca de roupinhas e lá eu fiquei: babando, paparicando, apreciando….não tem coisa mais gostosa nesse mundo do que acompanhar o crescimento desses anjos. Desde 2004 acompanho e registro o crescimento do meu afilhado, e agora essas famílias estão permitindo que eu faça isso com seus filhos, também.

Para vocês, papais e mamães, muito obrigada!

E agora, vamos as fotos que é o objetivo desse blog. Conforme falamos, estamos acompanhando o crescimento do Pietro, que agora já está com quase 4 meses. Está fofo, cheio de dobrinhas, sorridente e feliz. Se desmancha em sorrisos para os pais, tias, família….uma delícia!!!! Aqui apenas uma amostrinha do que fizemos.

Este slideshow necessita de JavaScript.